26 de abr de 2010


Dia 29 de Abril é comemorado o dia Internacional da Dança, teremos um dia inteiro dedicado a arte com vários eventos acontecendo em praças públicas da cidade.

Paloma Parentoni e Marcelle Louzada, repetirão a ação do ano passado, reunir todos os interessados para realizar uma grande Jam Session. Interessados em dança, músicos, fotógrafos, performers e público em geral, o evento é aberto a todos. Cada um com seu improviso e sua visão do que é o movimento.

No dia 29 de Abril, as 18:00, na Praça da Estação, os interessados em participar da Jam, por favor, irem vestido de branco, é chegar na praça e começar a ação, sem aquecimento prévio do grupo.

Principal ação: compor com caminhadas e pausas Abaixo segue a programação de todo o evento.

11h às 13h

Grupo de Dança 1o Ato – Flor da Vida Corpo Cidadão – Trem das Artes M.E.I.O Artistas Associados – APPLES, Peter Lavratti Arte Ponto Com – Escola de Danças – Dança Afro Brasileira,Carlos Afro e Cia Valores de Minas – Oficina de Dança e Energia, Bete Arenque

13h00 às 14h45

Dança de Salão – Apresentação das Escolas Pé de Valsa, Exibela, Mira, Espaço da Dança, Passo básico e Ponto da dança Aula de Tango

14h45 às 16h

Trama Cia de Dança- Trechos do espetáculo Pequenas Punições Diárias Coletivo Dois Contemporâneo – Intervenção Ação cidade contínua Dança Jovem – Trecho do espetáculo Sinal de vento Cia de Dança Palácio das Artes – Fragmentos do espetáculo 22 segredos 16h00 Dança Circular – Cristiana Menezes 16h50 às 17h20 Centro de Formação Artística – CEFAR – Pandemônio Núcleo Artístico – Batuque Compasso Academia de Dança- UNIDANÇA – Tributo ao Michael Jackson Núcleo de Dança Tatiana Figueiredo – UNIDANÇA – ÍNDIO

17h21 às 18h20

Bate Papo: O que é Dança e por que comemorar o Dia da Dança? Criação de uma Carta-Manifesto da Dança Mediação: hoy pocilga (des)coletivo de fomentação em dança

18h20 às 19h30

Cia Baobá – Oficina de dança afro Associação Cultural Adum Orixás – Dança Afro (Sabará) 1º Ato Centro de Dança –UNIDANÇA - Forró Cia Fusion de Danças Urbanas Dança urbana Movimento Black Soul – Dj Abelha

19h45 às 21h30

1º Ato Centro de Dança – UNIDANÇA – Baiana Grupo Dança 1 – Dança ao Pé da Letra Cia Baobá - Corporeidades Negras Constantine Oficina Cultural – Dança Cigana Grupo Sarandeiros – UFMG Academia Espaço Brasil – rueda de casino Espaço da Dança – rueda de cassino

VÍDEO-DANÇA

Praça da Assembléia 1

9h às 20h –

Vídeo-Dança MOVASSE – Coletivo de Criação em Dança Flux Cia de Dança

Outros locais da Cidade: Praça da Estação 18h JAM SESSION –
Marcelle Louzada, Paloma Parentoni

Palácio das Artes 19h Balé Jovem Palácio das Artes Avenida dos Bandeirantes, 866 19h Corpo Escola Aproveitem o dia , dançar faz bem para a alma!

22 de abr de 2010

Nomes da nova safra de cantoras do jazz que você precisa ter no seu ipod


O jazz é um dos ritmos musicalmente mais sofisticados . Exige do artista não só talento, como apuro técnico, treino e criatividade para expressar seu virtuosismo. Por isso mesmo, não é tão comum que jovens músicos se arrisquem por esse território de maneira bem-sucedida. Norah Jones, por exemplo, que hoje tem 30 anos, flerta com o ritmo desde o início de sua carreira, mas o som que produz não costuma ser considerado como um jazz puro.

Mas há vozes novas aparecendo nesse gênero. Inspiradas pela musicalidade de divas como Ella Fitzgerald e Billie Holiday, uma nova safra de cantoras jovens exibe seu talento de pegada jazzistica em recentes trabalhos. A seguir, o Colherada mostra uma lista com cinco artistas dessa nova safra que valem a pena conhecer e ouvir.

Erin Boheme, com apenas 22 anos e dois álbuns lançados, essa norte-americana de Oshkosh, Wisconsin, tem como principal característica de sua música a mistura de diversas gerações de jazzistas. Costuma fazer com certa facilidade um mix entre o jazz old school – swingado e cheio de soul – com um pop na medida, produzindo canções que dão novo ar ao estilo, mas que continuam sendo atemporais.

Sophie Milman, de origem russa, ela morou durante toda a infância e adolescência em Israel e depois se mudou para Toronto, no Canadá, onde mora até hoje. A que parece, todos esses lugares, tão diferentes entre si, contribuíram para que Sophie fizesse um som bastante universal. Com uma carreira já estabelecida em terras canadenses, ela começa a se destacar mundialmente com seu mais recente álbum, “Take Love Easy”, de 2009.

Sarah Gazarek, dona de uma voz marcante, a americana de Seattle começou sua carreira em 2005 com o álbum “Yours”, que teve críticas bastante favoráveis e chegou ao Top Ten da Billboard na categoria Tradicional Jazz. Seu último trabalho, “Return to You”, tem uma pegada mais contemporânea se comparado ao disco de estreia. Ela e sua banda são conhecidos pelo improviso nos palcos.

Diane Birch poderia muito bem ser modelo, mas se enveredou pelo mundo da música ainda muito nova, quando aos sete anos começou a estudar piano clássico. Hoje, aos 27, é praticamente uma nômade, pois já morou do Zimbabwe, na África do Sul, Londres e atualmente vive em Nova York. Toda essa diversidade se reflete em sua música, que é mais eclética e aberta a experimentos fora do jazz tradicional. Seu álbum de estreia, “Bible Belt”, foi lançado em 2009.

Hope Waits, totalmente inspirada nas músicas dos anos 40 e 50, com uma clima meio cabaret e sensual, assim é Hope Waits. Com uma voz que em muitas músicas lembra a já consagrada Norah Jones, ela se destaca em seu primeiro álbum homônimo principalmente pelas composições e releituras que faz, sempre trabalhando o lado menos óbvio do jazz e do blues.

Confira o som dessas novas Divas e depois poste aqui seu comentário sobre o que achou.
TMais!!!

Rodrigo Salgueiro


18 de abr de 2010


A Festa


Paloma Parentoni vem há tempos querendo juntar os amigos e fazer uma nova festa.

Nascida no final da década de 80, filha de uma mãe bem jovem, ouviu os hits 80 durante toda sua infância e A-D-O-R-A... Sua pesquisa em novos sons vem lhe apresentando coisas atuais e ao mesmo tempo “lindas de tão brega”.

Pra concretizar essa vontade chamou Zubreu, que é o melhor no set: xmacshupsalada na cidade, e Aída, moça com a qual Palomita quer trabalhar junto nas pick-ups, desde a festa Move Your Ass.

Dessa vontade reunião de sonoridades singulares, surge BLUSH – A Festa!

BLUSH - A Festa! É um convite para rever os amigos, relembrar os velhos tempos e ouvir aquilo que não toca mais com a freqüência que gostaríamos nas rádios de hoje. Além de, é claro, agitar na pista!

A festa está indo para a sua segunda edição, quem participou do lançamento sabe que a Blush é a quinta feira mais charmosa da cidade.

Depois da Blush, “a vida muda..”.


Os DJs


DJ Palomita:


A moça é produtora, diretora de videoclipes em stop motion, fotógrafa, performer e por aí vai.

Junto a Ricardo Koctus (Pato fu) criou em 2009 a festa Move Your Ass, para o lançamento do videoclipe Por Você e Ninguém Mais de Ricardo Koctus em sua carreira solo, com direção, atuação, produção e roteiro assinado por ela.

Após a festa o público pediu mais e Palomita vem desde meados de 2009 esquentando as pistas e bares belorizontinos.

O Set: Tem novos projetos para 2010 e entra o ano implementando o set, anda passeando pelo brega, anos 80, rock brasileiro e por ai vai...


DJ Zubreu – Gustavo Reis

Gustavo Zubreu é jornalista, DJ, music addict, produtor e apresentador do De Carona e do Replay, na Oi FM, editor do Oi Novo Som FM e do Original do Brasil. Discoteca há quatro anos e pesquisa quase todo tipo de música pra usar na pista!

O Set: #mashupcomtudotessalia


DJ Aída - Aída Lage


Formada em publicidade, trabalha como produtora artística (atualmente produtora Fernanda Takai e muchas otras cositas bacanas).Não se considera DJ, diz:

“Digamos que sou s&p (select and play), toco o que gosto de ouvir, e como me considero uma pessoa de bom gosto, logo toco música boa!”

O Set: (final de 1980), rádio, TV, etc. pode até rolar um devaneio, tipo gipsy kings, e por aí vai...

Serviço:


BLUSH – A Festa!

Local: Velvet Club
Data: 22 de Abril – Quinta Feira
Endereço: Rua Sergipe - 1493 – Savassi
Contato: (31) 88770412
Horário: 23:00
DJs – Palomita, Zubreu e Aída

Valor de entrada:


Até: 00:00 ( ou com nome na lista amiga )

Feminino : 6,00
Masculino – 10,00

Depois de 00:00

Feminino: 10,00
Masculino- 12:00


Lista amiga:

Com o nome na lista amiga você tem desconto na entrada em qualquer horário:
e-mail enviados até ás 14 horas do dia 22 de Abril

e-mail: blushafestabh@hotmail.com

14 de abr de 2010

Seminário e Performance




Razão de Dois, performance concebida por Wilson de Avellar, faz parte de um projeto do artista premiado pelo Ministério da Cultura/Minc, através do Programa Rede da Fundação Nacional de Artes/Funarte, no ano de 2009. O artista nasceu em Conceição do Mato Dentro e trabalha e mora em Belo Horizonte/MG. Nessa criação, o performer, durante algumas horas, em praças, ruas ou avenidas de cidades que ele elege, senta-se em um objeto semelhante a uma conversadeira: cadeira dupla, com dois assentos opostos – entre os assentos, encontra-se instalado um compartimento, à maneira de uma urna de votação. Nos locais em que ocorre a apresentação, o artista pede aos passantes para sentarem-se num dos assentos e que, em troca de um vale-alimentação ou vale-metrô, contem-lhe um segredo qualquer. O segredo contado pelos passantes é transcrito pelo performer e em seguida depositado na urna. Ao final de cada ação, a urna do compartimento da cadeira é lacrada.
Em cada cidade onde vai ser apresentada a performance, Wilson de Avellar convida um artista local para dela participar. A ele é proposto que se desloque para outra cidade e realize a mesma ação. A primeira convidada é Simone Barreto, desenhista de Fortaleza/CE, cidade eleita pelo performer e é o local em que acontecerá a primeira apresentação de Razão de Dois. A artista fortalezense, no caso, irá se deslocar para Belo Horizonte/MG.

Apresentação da Performance – RAZÃO DE DOIS
Dia: 16/04/2010
Horário 10:00 ás 12:00
Local – Imediações da Praça Rui Barbosa ( praça da estação)
Atuação – Simone Barreto – ( FORTALEZA – CE )


Desdobramento 1 – Seminário
Arte atual: Deslocamentos, encontros e desencontros
Dia : 17/04/2010
Horário: 14 ás 17 Horas
Local: Teatro José Aparecido de Oliveira ( Teatro da Biblioteca pública)